Juiz manda relaxar a prisão do policial civil Adriano Sobral

O relaxamento da prisão do policial civil Adriano Sobral de Azevedo

ARACAJU/SE – O juiz plantonista de 1º Grau, Aldo de Albuquerque Melo, determinou na tarde desta terça-feira (29) o relaxamento da prisão do policial civil Adriano Sobral de Azevedo.

Adriano foi  preso após danificar o patrimônio público e ser acusado de ameaça e disparo de arma de fogo dentro de corporação na noite desta segunda-feira (28).

A confusão ocorreu entre os policiais civis Adriano Sobral e Ricardo Porto, diretor da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (Core). Segundo informações da Corregedoria da Polícia Civil, o policial Adriano Sobral teria cometido os delitos de ameaça, dano ao patrimônio público e disparo para cima de arma de fogo, dentro da Core, após ser comunicado que seria transferido para outra unidade policial.

Deixe seu comentário...