[ÁUDIOS] “É mentiroso e irresponsável” sobre ameaças a policias de Sergipe, afirma COPE

Os áudios atribuídos a supostos marginais que estariam saindo em defesa de Léo, faziam ameaças de mortes aos militares sergipanos.

Compartilhe...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Print this page
Print

SERGIPE – A secretaria de segurança pública emitiu uma nota nesta quinta-feira (03) para explicar sobre os áudios que circulam nas redes sociais deste a tarde de ontem, logo após o confronto entre policiais militares e o traficante Leonardo Reis da Silva, 31 anos, o “Leo Grandão”, como era conhecido, Léo Grandão, que  acabou sendo morto na avenida Beira Mar, em Aracaju.

Os áudios atribuídos a supostos marginais que estariam saindo em defesa de Léo, faziam ameaças de mortes aos militares sergipanos.

Por conta disso, o Complexo de Operações Policiais Especiais (COPE) informa que o áudio é mentiroso e irresponsável. “Sobre áudios que circulam em grupos de Whatsapp a respeito de uma retaliação a morte do traficante Leonardo Reis da Silva, 31 anos, mais conhecido como “Leo Grandão”, morto em uma operação da Polícia Militar nesta quarta-feira, 2, na avenida Beira Mar, em Aracaju, o Complexo de Operações Policiais Especiais (COPE) informa que o áudio é mentiroso e irresponsável”.

Ao final, a nota diz que tomará providências. “Uma das falas atribui ao COPE a interceptação de mensagens de integrantes de uma quadrilha, que agem em presídios do país, dando ordens para matar policiais militares em serviço na capital sergipana. O COPE, como uma das unidades mais combativas da Polícia Civil, tomará as providências necessárias para coibir que notícias falsas tirem a tranquilidade do povo sergipano”.

MIRA GERAL: 

Ouça, abaixo, os áudios:

FONTE – Reprodução / Redes Sociais e Grupo do WhatsApp

Deixe seu comentário...