Belivaldo e superintendente da Sudene dialogam sobre o Plano Regional de Desenvolvimento do Nordeste

O dirigente da autarquia veio a Sergipe para apresentar as principais características do Plano, que está em fase final de elaboração.

SERGIPE – O governador Belivaldo Chagas discutiu, na manhã desta sexta-feira (05), pontos do Plano Regional de Desenvolvimento do Nordeste (PRDNE) com o gestor titular da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene), Mário Gordilho. O dirigente da autarquia veio a Sergipe para apresentar as principais características do Plano, que está em fase final de elaboração.

De acordo com Belivaldo, essa reunião estreita a relação de Sergipe com a Sudene e é um dos primeiros passos para a retomada da Superintendência como propulsora do desenvolvimento na região.

“O superintendente da Sudene fez questão de vir ao nosso estado para tratar de assuntos de interesse de Sergipe e do Nordeste, para fortalecer o relacionamento da autarquia com o Sergipe e buscar informações do estado para ajudar na elaboração do PRDNE. A ideia é que com essas informações, a Sudene consiga finalizar o Plano. O objetivo é que a Superintendência esteja mais presente nas diversas áreas de ação de desenvolvimento para o Nordeste, e exatamente por isso é extremamente importante a presença do superintendente da Sudene aqui”, explanou o governador.

Segundo Mário Gordilho, Sergipe foi o segundo estado visitado no processo de finalização da construção do PRDNE, o primeiro foi a Bahia. Conforme o superintendente, a ideia é ouvir os estados da área de atuação da Sudene, levando em consideração as ações e projetos prioritários dos planos estaduais para os próximos quatro anos, uma vez que o PRDNE irá tramitar juntamente com o Plano Plurianual (PPA). O Plano Regional de Desenvolvimento do Nordeste será submetido ao Congresso Nacional e deverá ter força de lei.

“Queremos fazer um plano que seja de dentro para fora, dos estados para todo o Nordeste, então quem tem conhecimento dos problemas dos seus estados são seus governadores, seus secretários, por isso que estamos fazendo uma pesquisa com todos os governadores da região e governos estaduais, para que esse plano efetivamente seja levado à frente. Como linha mestra, definido pelo governo federal, há seis prioridades a nível global: Ciência, Tecnologia e Inovação; Desenvolvimento Econômico; Educação; Meio Ambiente e Recursos Hídricos; Desenvolvimento Social; e Governança Institucional e Financiamento. Mas não só esses, outros pontos, apresentados pelos estados, como infraestrutura, nós levaremos ao governo federal para buscar que eles sejam efetivamente colocados no Plano Plurianual, que será levado ao Congresso no mês de outubro”, explicou Gordilho.

O superintendente especial de Planejamento, Monitoramento e Captação de Recursos de Sergipe, Marcel Resende, afirmou que o governo do Estado terá um prazo de 15 dias para submeter seu principais projetos de desenvolvimento e da área de infraestrutura para avaliação da Sudene. “Cada Estado vai apresentar seus projetos estratégicos para compor esse plano de desenvolvimento do Nordeste. O nosso material está sendo construído, porém a gente pretende incorporar no plano o Canal de Xingó; a duplicação da BR 235, uma prioridade do governo do Estado, assim como a conclusão da BR 101, que são vias importantes para escoamento e para mobilidade urbana no estado. Outro ponto é o Complexo Industrial Portuário da Barra dos Coqueiros, o qual será concluído no próximo ano com a inauguração da termelétrica, que é um dos principais polos para o desenvolvimento sergipano. São projetos norteadores do futuro de Sergipe, que vão trazer desenvolvimento para o estado, mas também integrandos à economia do Nordeste”, destacou.

Condel

O superintendente da Sudene informou ainda que, no dia 23 de maio, o Conselho Deliberativo da Sudene (Condel), reunirá, em Recife, os governadores da região para reapresentação detalhada do Plano, após a síntese das informações colhidas em cada estado.

Para o chefe do Executivo de Sergipe, a expectativa é que todos os governadores do Nordeste estejam presentes e, também, o ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto. “Esse trabalho que os governadores estão fazendo, a partir de reuniões periódicas para fortalecer nossos laços e nossas causam comuns em defesa dos interesses dos estados e do povo nordestino, junto com essa visita que o superintendente está realizando em cada estado, deve facilitar essa integração necessária ao desenvolvimento da nossa região”, pontuou Belivaldo.

A reunião contou com a participação do secretário geral de Governo, José Carlos Felizola; o coordenador-geral de Cooperação e Articulação de Políticas da Sudene, Paulo Guedes; o coordenador de Planos da Sudene, Renato Oliveira; o superintendente executivo da Secretaria Geral de Governo, Ademário Alves; o assessor de Políticas de Desenvolvimento do governo do Estado, Oliveira Júnior.

ASN

FOTO: Marco Vieira

 

Deixe seu comentário...