Cabo Amintas cobra da PMA pagamento da dívida com a Apae superior a meio milhão de reais

Eu quero me solidarizar a todos da Apae e apresentar uma moção de repúdio.

ARACAJU/SE – Durante a edição desta semana do programa “Nas Ruas”, apresentado pelo vereador de Aracaju, Cabo Amintas (PTB), através da sua página no Facebook e Instagram, o parlamentar usou seu espaço para se solidarizar. Além de prestar solidariedade aos trabalhadores, que não recebem há 2 meses por falta de repasse do município, Amintas lembrou ainda das centenas de vítimas da tragédia de Brumadinho (MG), que já contabiliza mais de 80 mortos e 270 desaparecidos.

Amintas demonstrou seu apoio às vítimas da tragédia mineira logo no início do programa, salientando que era impossível não falar da tristeza que assola os brasileiros nesse primeiro mês de 2019.

“Essa semana foi marcada pela tristeza em todo o país, mas principalmente para os mineiros. Nós queremos prestar nossa solidariedade, dizer a cada familiar das pessoas que perderam suas vidas: ‘Que Deus conforte o coração de vocês’. Não dá pra imaginar a dor que vocês estão sentindo que estão”, afirmou, emocionado.

Já se concentrando em Aracaju, a solidariedade de Amintas se direciona aos funcionários da Apae Aracaju. O parlamentar falou sobre os dois meses de salários atrasados da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) e a dívida da prefeitura com a instituição que já passa de meio milhão de reais.

“No ano passado, fomos homenageados pela direção da Apae, como amigo daquela instituição que é séria e faz um  trabalho belíssimo na nossa capital, no nosso estado. Eu quero me solidarizar a todos da Apae e apresentar uma moção de repúdio à Prefeitura Municipal de Aracaju que, infelizmente, está devendo àquela instituição mais de meio milhão. Para ser mais exato, são 560 mil reais”, explicou.

E acrescentou “imaginem uma instituição que vive de doações, que faz um trabalho com crianças especiais, passando por dificuldades graças à PMA. Infelizmente a prefeitura não está cumprindo com seu papel! Tenho certeza que a direção da Apae não tem interesse nenhum em atrasar o salário dos funcionários, mas tudo que envolve a prefeitura de Aracaju é um caos”.

Amintas ainda completou chamando a atenção do Ministério Público sobre a falta do repasse da gestão municipal da verba enviada pelo Ministério da Saúde, ressaltando a alegação do município de que há inconsistência na prestação de contas.

FONTE: Assessoria de imprensa do parlamentar

Deixe seu comentário...