Carlos Ferreira emite nota pública e desmente informação sobre processo

O Jornalista Carlos Ferreira não foi processado: é mentirosa e irresponsável a postagem neste sentido.

SERGIPE – Como homem público e cumprindo minha obrigação de prestar esclarecimento à população, notadamente aos milhares de ouvintes e leitores que me acompanham há décadas, informo que não condiz com a verdade o teor de uma postagem que está circulando nas redes sociais, segundo a qual, eu teria sido processado. Aliás, essa afirmação, por si só, serve para mostrar o grau de irresponsabilidade deste rapaz que atende pelo nome de Henrique e se arvora de líder sindical. Sequer recebi alguma notificação judicial, portanto, não houve nenhuma audiência e, por conseguinte, não há processo. É mais uma mentira, com objetivo de confundir a opinião pública.

A VERDADE

Por duas vezes esse moço enviou postagens em áudio e texto, para o Whatzapp, da Rede Xodó, onde trabalho, com ataques levianos e covardes ao meu programa. Provando minha seriedade profissional, veiculei os dois e, claro, os respondi. A minha reação se baseou em depoimentos de várias pessoas que foram enganadas por eles, a exemplo de colegas radialistas quevenderam espaço em seus programas na Rádio Atalaia, e levaram um calote. Relatei fatos, todos comprovados. Alertei a população para os golpes por ele aplicados. Antes destes fatos, quando exercia o cargo de Secretário de Comunicação, em Itabaiana, fui procurado por ele, (o recebi muito bem e ele fez até questão de ser fotografo ao meu lado). Na oportunidade, se apresentou como líder dos caminhoneiros. Acreditando na boa fé, o levei até o prefeito, mas logo descobrimos que as intenções dele eram outras, distante da defesa da categoria.

Por fim, tenho orgulho de informar que ao longo dos meus 45 anos de jornalismo em Sergipe, nunca fui condenado, uma vez sequer, por ter agido de encontro a lei. As denúncias que faço, são embasadas de provas. Foi assim também na fala sobre o mal comportamento do autor da postagem, repito, mentirosa e irresponsável. Na justiça, se for convocado, provarei tudo que disse a respeito. Não são poucas as suas vítimas que já se colocaram à disposição para testemunhar seus golpes

Carlos Ferreira – Jornalista e Radialista

Postagem –  Eduardo Ferreira

Deixe seu comentário...