Ceia de Natal pode ser saudável e muito gostosa

Nutricionista ensina a comer bem nas festas de fim de ano

Por Suzy Guimarães

As festas do fim do ano incentivam as pessoas a comer bem além do limite normal. As guloseimas preparadas para comemorar o Natal e para o Ano Novo podem trazer algumas consequências no dia seguinte. Quem explica é a nutricionista e professora da Faculdade UNINASSAU Aracaju, Elizabete Silva. Ela afirma que é possível fazer uma ceia saudável e, ao mesmo tempo, gostosa. Para isso, a profissional orienta o uso de massas integrais para a confecção da ceia tradicional.

“Com a chegada do fim do ano, além das emoções com os festejos natalinos e as confraternizações, vem a preocupação com a alimentação nestas comemorações. E sim, é possível ter todos os preparos tradicionais de uma forma saudável. A sua ceia natalina pode ficar mais saudável sem deixar de ser gostosa”, garante a nutricionista.

Elisabete destaca que alguns detalhes podem deixar a ceia mais saudável. “Caprichar nas especiarias naturais e assim conseguir diminuir o sal nas preparações; substituir a maionese por iogurte natural; lembrar que não só o peru pode ser preparado no forno, mas outros pratos podem ser feitos da mesma forma, evitando assim o abuso de frituras”, ressalta.

Folhas – A professora faz referência a importância de aproveitar as oleaginosas (castanhas, nozes e amêndoas), já que estas ajudam na saciedade, e orienta as pessoas a incluir saladas de folhas e verduras na ceia. “As folhas são excelentes fontes de fibra e combinam com os pratos típicos desta época do ano”, observa a professora.

No entanto, depois das festas, o mal-estar pode aparecer, por conta da ingestão exagerada de alimentos e misturas, mas pode ser contornado. “É sempre bom comer até se sentir satisfeito, mesmo que sobre comida no prato.  Saborear e fazer as refeições com calma, curtindo o sabor do alimento e a companhia dos familiares e amigos. Para os que consomem bebida alcóolica, lembrem de se hidratar com muita água antes, durante e após os festejos”, observa.

Confira as dicas

Nozes, castanhas, avelãs e amêndoas são aperitivos naturais que estão sempre presentes nas mesas de Natal. Eles têm propriedades que regulam os níveis de colesterol

Escolha apenas um tipo de carboidrato para compor o seu prato: geralmente, as opções mais saudáveis são as coloridas. Por isso, que tal fazer um arroz especial, utilizando as castanhas e as frutas secas?

O peru é a carne mais saudável para a sua ceia. Por ser mais magro, ele é mais indicado do que o chester, o tender ou o pernil, mas todas estas opções têm alto teor de nutrientes, como o ferro e as vitaminas do complexo B

Se você tem o hábito de beber nas festas de fim de ano, evite os destilados – aposte nos vinhos e espumantes, que são menos calóricos.

Deixe seu comentário...