Cidadania aposta na renovação feminina para eleições 2020

A sociedade brasileira e sergipana vive um bom momento, uma evolução social e política.

Compartilhe...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Print this page
Print

SERGIPE – Surgiram novas lideranças, com o perfis mais próximos dos cidadãos e cidadãs comuns.

Conquistas obtidas pelo enfrentamento diário das pessoas, antes ausentes do ambiente político. Pessoas comuns e honestas que se rebelaram contra injustiças e imposições e desenharam espaços convinientes e democráticos.

Nessa revolução incluem-se as mulheres em posição de destaque, com muita independência e firmeza que hoje debatem temas como o combate a corrupção, todos os tipos de violência, a luta pela igualdade de direitos, equiparação salarial e poder de decisões além da desconstrução do machismo na política partidária.

A delegada Danielle Garcia e a militante social Suely Barreto, também bacharel em direito, são dois exemplos dessa revolução, duas grandes apostas femininas para as eleições de 2020 na capital e no município de Estância, respectivamente. Ambas pelo partido Cidadania.

Incentivadas e apoiadas pelo Senador Alessandro Vieira, pelos deputados Kitty Lima, Georgeo Passos, Samuel Carvalho e todas as lideranças do Cidadania, as duas mulheres possuem reconhecida competência, serviços prestados e notória aceitação popular.

A Delegada Danielle Garcia, tornou-se reconhecida pelo importante trabalho na investigação dos desvios de recursos públicos em órgãos do estado de Sergipe.

É uma mulher destemida, decidida e apaixonada por Aracaju.

Uma guerreira contra a corrupção, que deixou recentemente o cargo no Ministério da Justiça para se colocar à disposição da população aracajuana.

Suely Barreto, a defensora incansável das comunidades carentes, reconhecida e respeitada no Estado pelo seu trabalho de prevenção e combate às drogas e admirada pelas mulheres que abraçaram o sua luta pelo protagonismo feminino. Colocou o seu nome à disposição do município de Estância lutando contra os caciques e as práticas da velha política e contra o poder econômico local por acreditar que o povo quer mudança e que ela encabeçará essa renovação politica no munícipio.

Duas mulheres inspiradoras, preparadas, fortes e corajosas que reunem capacidade para liderar um exército de pessoas que sonham com a verdadeira mudança e que usam a incentivadora frase: “Lugar de mulher é onde ela quiser” para atrair o maior número de mulheres possíveis na construção dessa nova história que sonham para Aracaju, Estância e para todo o Estado de Sergipe.

A transformação da sociedade sempre passou e passará pelas mulheres.

Por William Fernandes Rocha

Representate comercial

Deixe seu comentário...