Codevasf contrata obra de esgotamento sanitário de Gararu

O investimento previsto é de R$ 8,6 milhões.

GARARU/SE – A Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) vai construir o sistema de esgotamento sanitário de Gararu. O contrato para a execução das obras foi assinado nesta quinta-feira (28), durante visita do diretor da Área de Revitalização de Bacias Hidrográficas da Codevasf, Fábio Miranda, ao estado de Sergipe. Também participaram da ação o superintendente regional César Mandarino e a prefeita de Gararu, Elizabeth Freire. O investimento previsto é de R$ 8,6 milhões.

O diretor Fábio Miranda disse que essa ação tem um valor especial para a empresa. “Além dos benefícios do saneamento básico, essa obra é simbólica porque beneficia uma cidade que está na margem do rio São Francisco e vai contribuir para sua revitalização”, declarou o diretor. A assinatura do contrato foi acompanhada também por vereadores, secretários municipais e técnicos da Codevasf.

O superintendente regional César Mandarino lembrou que Gararu tem sido contemplado com várias ações de infraestrutura e inclusão produtiva. “Entendo que temos que fornecer todo o auxílio necessário aos municípios de Sergipe”, disse. A prefeita Elizabeth Freire agradeceu o apoio da Codevasf ao município e ressaltou o impacto positivo da nova obra contratada. “Será bom para o rio São Francisco e vai trazer qualidade de vida para a população em todos os sentidos”, afirmou.

A implantação do sistema de esgotamento sanitário de Gararu deverá beneficiar mais de 3,4 mil moradores, evitando a poluição do rio São Francisco e proporcionando mais saúde para a população local. Neste ano também foram autorizadas obras de esgotamento sanitário nos municípios de Japoatã e Malhada dos Bois. O investimento da Codevasf nesses dois municípios será de R$ 9,8 milhões.

Agenda

Nessa semana, o diretor da Área de Revitalização da Codevasf acompanhou uma série de ações em execução no estado. Em agenda iniciada na terça-feira (26), Fábio Miranda e o superintendente regional César Mandarino visitaram obras em andamento para implantação dos sistemas de esgotamento sanitário de Ilha das Flores, Japoatã e Itabi. Também foram apresentados trabalhos realizados no Centro Integrado de Recursos Pesqueiros e Aquicultura de Betume (CIB), unidade de produção e pesquisa da Codevasf na zona rural de Neópolis.

Foram realizadas visitas a associações de produtores familiares contemplados com ações de inclusão produtiva da Codevasf em atividades como corte e costura, agricultura irrigada e apicultura. Também foi incluída na agenda a vistoria da obra de ampliação do sistema de abastecimento de água dos povoados Escurial, Carro Quebrado e Areias, em Nossa Senhora de Lourdes, ação que conta com investimento de R$ 2 milhões, e a visita a área em que serão realizados serviços de recuperação e preservação de nascentes.

Na quarta-feira (27), houve uma reunião entre técnicos da área para discutir demandas para a execução de ações nos setores de esgotamento sanitário, abastecimento de água e inclusão produtiva. O encontro teve a participação da gerente regional de Revitalização, Morgane Aguiar, e de técnicos que integram unidades vinculadas à Diretoria da Área de Revitalização, em Brasília, e à Gerência Regional de Revitalização.

FONTE & FOTO: Assessoria Codevasf

 

Deixe seu comentário...