Diretorias Regionais se reúnem com Secretário da SEED para debater melhorias na Educação de Sergipe

O encontro aconteceu na sala de reuniões da SEDUC.

SERGIPE – O secretário de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura, Josué Modesto, realizou na manhã desta segunda-feira, 27, a primeira reunião com os gestores das Diretorias Regionais de Educação após a posse deles, realizada no dia 22 de maio pelo governador Belivaldo Chagas após processo seletivo. O encontro aconteceu na sala de reuniões da Seduc e contou com a presença do superintendente executivo, professor José Ricardo de Santana, do diretor do Departamento de Recursos Humanos (DRH), Jorge Costa, do diretor da Coordenadoria de Informática (Codin), Alexandre Veras, entre outros servidores.

Segundo o secretário, o encontro teve como objetivo tratar de questões urgentes pertinentes à pasta da Educação, em especial, a organização de carga horária de professores nas escolas. Ele abriu a reunião mostrando aos diretores alguns dados referentes ao tema, como a disponibilidade e necessidade de professores em 2019, quantitativo de matrículas e turmas na rede estadual, entre outros.

Ele lembrou que já foi aprovada uma lei que prevê a contratação temporária de professores substitutos, mas que são necessárias ações para melhor remanejar os docentes que estão sobrando em unidades de ensino para outras onde estão faltando. “O nosso problema mais grave é não ter professor em sala de aula. O que esperamos é que nossas escolas tenham a capacidade de sempre ter professores para ministrarem as disciplinas previstas no currículo. Queremos tratar a educação como uma política de estado. O nosso compromisso é com uma educação de qualidade e, para isso, se faz necessário cumprir requisitos mínimos e entregar bons resultados à sociedade: elevar o Ideb, fazer com que o nosso ensino médio tenha sucesso no Enem, alfabetizar as nossas crianças na idade certa”, disse.

Josué Modesto ainda cobrou dos diretores das Diretorias Regionais uma maior atenção no que se refere ao correto preenchimento do Sistema Integrado de Gestão Acadêmica (SIGA), por parte das escolas, para que se tenha os dados corretos e atualizados dos professores e servidores das unidades de ensino.

Outras ações

Ainda durante o encontro, o superintendente executivo da Seduc, professor José Ricardo de Santana, apresentou outras ações que serão desenvolvidas visando melhorar os índices da Educação. “Precisamos de processos metodológicos que nos levem a ter um melhor desempenho. Ações que a Seduc irá apoiar para atingir esse objetivo”, disse ele, passando para a apresentação de um cronograma com atividades que serão realizadas no decorrer do ano.

Uma dessas ações será a realização de aplicação de simulados (presenciais e online) visando preparar os alunos para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), e para o Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb), tanto para o ensino médio quanto para os anos iniciais e anos finais do ensino fundamental.

O diretor da Codin, Alexandre Veras, destacou as ações que irão auxiliar os gestores escolares no correto preenchimento das informações no SIGA, como o acompanhamento do preenchimento da carga horária, envio semanal da carga horária aos professores para os e-mails dos diretores, contato com as escolas para auxiliar no preenchimento, informar às regionais as escolas que não preencheram o Sistema para as devidas providências e acompanhamento da frequência da equipe diretiva.

Já o diretor do DRH, professor Jorge Costa, apresentou os serviços desenvolvidos pelo setor e conversou com os gestores das DREs sobre diversos assuntos relativos aos Recursos Humanos, como lotação de professores, entre outros.

Balanço positivo

Os gestores das Diretorias Regionais de Educação fizeram um balanço positivo da primeira reunião com o secretário após a posse. Foi o caso de Daniela Silva Santana, diretora da DRE-3, com sede em Itabaiana. “Foi um encontro importante para mostrar a realidade atual das necessidades, principalmente de professores e a questão da quantidade de alunos por turma. Foi um levantamento geral de estudos que a Secretaria já vem realizando com o principal objetivo de atender as reivindicações”, declarou.

Quem também avaliou positivamente o encontro foi a nova diretora da Diretoria de Educação de Aracaju (DEA), professora Gilvânia Guimarães. “Esse primeiro momento para nós foi excelente porque estamos tendo a oportunidade de nos reunirmos com o secretário, o superintendente e o diretor de Recursos Humanos. Uma das pautas principais é a questão de lotação de professores. Sabemos que algumas escolas vivenciam diariamente essa necessidade, então o secretário hoje nos apresenta um quadro com um estudo específico, trazendo a informação de não temos essa falta de docentes, mas sim um uso que precisa melhor ser feito desses profissionais. A nós, resta buscar onde eles estão e fazer de tudo para que nosso aluno esteja na escola e com o professor em aula”, afirmou.

Por Ítalo Marcos

FOTO: Eugenio Barreto

 

Deixe seu comentário...