“Doa a quem doer, as feiras livres de Aracaju serão organizadas”, afirma Luiz Roberto

Em parceria com o Ministério Público Estadual, culminou em um processo licitatório em torno do serviço.

ARACAJU/SE – Conhecido no meio político por ser um gestor linha dura e ter capacidade de “pôr a casa em ordem”, Luiz Roberto Dantas, vem revolucionando à frente da Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb), sobretudo no tocante a organização das feiras livres de Aracaju (SE).

Nesta quinta-feira, 23 de maio, ao conceder entrevista ao Jornal da 102 (Xodó FM Aracaju), comentou sobre o processo de reorganização dos espaços destinados à venda de origem animal e vegetal, o que em parceria com o Ministério Público Estadual, culminou em um processo licitatório em torno do serviço.

Relatando que o edital contempla 25 das 32  feiras que atualmente  existem na capital e concede o direito de explorar o serviço por um período de dez anos, o gestor lembrou aos âncoras Eduardo Carvalho e Edicarlos Queiroz, que  a escolha dos vencedores estará pautada nos preços que serão cobrados aos feirantes e que a Prefeitura irá arrecadar 5% deste valor. ” As feiras livres existem desde a época medieval, mas aqui vou parafrasear Antônio Samarone e lembrar que as feiras livres diferem de shoppings centers. Era preciso organizar a coisa! Não é que as feiras livres eram uma caixa preta, no entanto, existiam pontos conflitantes e assim, abrimos um processo licitatório para padronizar as bancas e tornar os espaços mais atrativos para os consumidores. Doa a quem doer, as feiras livres serão organizadas”, garantiu.

Ainda dentro desta temática, Luiz Roberto declarou ser necessário entender a questão de forma macro e assim, enxergar a existência de uma cadeia produtiva em torno das feiras. “Se estamos diante de uma cadeia produtiva, por que somente na parte final deste processo tínhamos problemas? Então pela resolutividade, transformamos os montadores das bancas em permissionários da Emsurb, acabando com um monopólio existente”, encerrou.

Por Daniel Villas-Bôas

 

Deixe seu comentário...