Em nota, Secult diz que não foi notificada da operação da PF

Em nota, Secult diz que não foi notificada da operação da PF

A Secretaria de Estado da Cultura, informa que não foi notificada oficialmente pela Polícia Federal em razão da operação Árion, deflagrada na manhã desta segunda-feira, 12, com o objetivo de investigar possíveis irregularidades no processo licitatório para contratação de artistas para o Arraiá do Povo.

Em tempo, esclarece que entre os meses de agosto e setembro, funcionários que participaram da comissão documental e de mérito artístico colaboraram com a ação deflagrada quando convocados pela PF, fornecendo documentos necessários para a investigação, e prestando esclarecimentos sobre o processo licitatório, conforme solicitado pelos agentes.

A equipe de gestão da Secretaria de Estado da Cultura, com o intuito de colaborar com as autoridades, apura todos os fatos com transparência e rigor, apoiando o trabalho realizado pela PF e confiante no esclarecimento dos fatos.

Deixe seu comentário...