Folia chegou para os jovens beneficiados pelo Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos

Promovida pela Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS) de Socorro.

Compartilhe...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Print this page
Print

N. SENHORA DO SOCORRO/SE – Promovida pela Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS) de Socorro, a festa ocorreu na tarde desta quarta-feira,20, na Tenda Cultural

Melhor época do ano. É assim que o carnaval é visto por milhares de brasileiros, afirmação essa que também é partilhada entre o público infantil beneficiado pelo Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS) de Nossa Senhora do Socorro.

A maior festa tradicional do Brasil começou a tomar forma no município na tarde desta quarta-feira, 20, com o segundo carnaval das crianças e dos adolescentes beneficiados pelo serviço, que movimentaram a Tenda Cultural. Enfeitados com os famosos adereços de carnaval, os jovens desfrutaram de passeios pelas ruas do município, das tradicionais marchinhas, brincadeiras, apresentações, comilança e muita dança.

“É uma satisfação imensa contribuir para a alegria dessas crianças, já que um dos pontos do ECA é garantir o direito da criança ao lazer. Nós prezamos por isso e este ano fizemos diferente com o revezamento do passeio das crianças no trenzinho”, disse a secretária de Assistência Social, Maria do Carmo Paiva.

Presente no evento o prefeito Padre Inaldo declarou que, resgatar o carnaval no município, através das crianças e dos adolescentes, é contribuir para a manutenção da cultura em Socorro. “Este é um período em que as pessoas sempre esperam e não é diferente com esses jovens. Sabiamente a Assistência Social organizou esse momento para que eles pudessem se divertir, sem deixar de valorizar o carnaval e a nossa cultura”, declarou o gestor municipal.

O ápice do evento deu-se com a apresentação de Karatê das crianças beneficiadas pelo serviço. “No nosso dia a dia o que eu procuro passar é a essência da arte marcial. Nosso coordenador perguntou se os alunos teriam condições de se apresentar e eu disse que estaríamos à disposição para nos apresentar em qualquer momento. Então, hoje tivemos o prazer de apresentar uma luta imaginária”, explicou o professor de Karatê, Allan Araújo.

Aos nove anos de idade Ingrid Suyane não escondeu a felicidade de participar da festa. “Eu e meu irmão estamos gostando muito e vamos aproveitar até o final. Minha mãe Yasmim me arrumou assim para a festa”, disse.

Quem também se divertiu foi a jovem moradora do Marcos Freire I, Adrielle Ferreira, que aproveitou a folia com as amigas. “Estou amando a festa e estou muito feliz porque vou andar no trenzinho”, declarou.

Por Bruna Evelyn – FOTO: Edilson Menezes

Deixe seu comentário...