Gilmar Carvalho tem pedido indeferido pelo TRE-SE para deixar o PSC

Gilmar permanece filiado ao PSC exercendo o mandato de deputado estadual.

Compartilhe...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Print this page
Print

O pleno do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-SE) decidiu por unanimidade na sessão desta sexta-feira (14), pela improcedência da justificativa apresentada pela defesa do deputado estadual Gilmar Carvalho para desfiliação do PSC.

Para o  relator, juiz Leonardo Souza Santana Almeida, não houve “grave discriminação política pessoal”, já que  a defesa do parlamentar alegou que houve discriminação.

Ainda segundo o relator, não teve caracterização de que Gilmar sofreu “grave discriminação política pessoal” por parte do presidente municipal do PSC, Clóvis Silveira.

Com isso, Gilmar fica impossibilitado de se desfiliar do PSC e, caso o faça, perderá o mandato, porque infringirá a resolução do TSE que trata da infidelidade partidária.

Gilmar permanece filiado ao PSC exercendo o mandato de deputado estadual.

Com essa decisão, Gilmar Carvalho que já havia anunciado a sua pré-candidatura à prefeitura de Aracaju, não poderá concorrer por conta da decisão.

Com informações dos radialitas Alex Carvalho e Jailton Santana

Deixe seu comentário...