Mordomias ameaçadas

10 cidades sergipanas serão incorporadas a outras maiores. A aceitação da proposta foi muito por causa do excesso mordomias dos vereadores que, em sua maioria, se elegem pensando unicamente em se locupletar.

POLÍTICA E COTIDIANO / ADIBERTO DE SOUZA – Repercutiu positivamente o projeto do governo federal de tirar do mapa municípios com até 5 mil habitantes. Caso o Congresso aprove tal medida, 10 cidades sergipanas serão incorporadas a outras maiores. A aceitação da proposta foi muito por causa do excesso mordomias dos vereadores que, em sua maioria, se elegem pensando unicamente em se locupletar. Para se ter uma ideia, cada um destes pequenos municípios banca gordos salários a nove vereadores, prefeito, vice, secretários, diretores de aspones e o diabo a quatro. Só as 10 cidades de Sergipe ameaçadas de fusão bancam 90 vereadores, que embolsam gordos salários, verbas parlamentares, diárias absurdas e otras cositas más. A questão é saber se os deputados federais e senadores, eleitos com o apoio destes mesmos vereadores e prefeitos, vão aprovar o fim das mordomias dos aliados bons de votos. Contra o projeto também está a maioria dos moradores destes pequenos municípios. Só nos 10 de Sergipe residem quase 35 mil opositores à proposta de fusão, pois não querem virar filhos de onde não nasceram. Aff Maria!

Tudo como antes

A Justiça anulou o impeachment do prefeito de Canindé, Ednaldo da Farmácia (Progressistas). Segundo o juiz Sérgio Fortuna de Mendonça, a Câmara de Vereadores errou ao votar secretamente pelo afastamento do gestor. Diante da decisão, Ednaldo retornará ao comando de Canindé, enquanto o vereador Weldo Mariano, (Republicanos), que o substituiu, volta a presidir a Câmara. Nem precisa dizer que a anulação do impeachment desagradou a grande maioria da população. Misericórdia!

Pedestre sem prestígio

E a Câmara de Aracaju rejeitou o projeto propondo a criação do Estatuto do Pedestre. Em tramitação desde 2017, a propositura possuía dispositivos para adequar a capital sergipana às diretrizes da Política Nacional de Mobilidade Urbana. Um dos autores do projeto rejeitado, o vereador Lucas Aribé (PSB) disse que ao votar contra, a maioria dos vereadores “retirou o pedestre do centro das decisões políticas, apenas para satisfazer aos interesses do prefeito”. Cruzes!

Quase pronto

O Governo de Sergipe definirá na próxima semana o projeto de reforma da Previdência a ser encaminhado para a Assembleia até o final deste mês. Alguns itens do estudo se assemelham à proposta provada pelo Congresso. O percentual a ser descontado no salário do servidor ainda não foi definido. Em Sergipe, o déficit da Previdência poderá ultrapassar R$ 1 bilhão até o final deste ano. Esta informação é do blog Primeira Mão.

Cadê o dinheiro

Mesmo recolhendo o ISS dos prestadores de serviço, os ex-presidentes do Hospital Cirurgia, Gilberto dos Santos e Milton Souza, teriam deixado de recolher R$ 3,3 milhões referentes ao tributo. A acusação é do Ministério Público de Sergipe, que já havia denunciado os dois executivos por crime de peculato. Gilberto e Milton também são acusados de ficarem com os valores recebidos a título de adiantamentos salariais e vales dos empregados. Homem, vôte!

Barril de pólvora

Por não receber há meses pelos serviços prestados nos presídios de Sergipe, a Empresa Reviver deu aviso prévio aos empregados. Segundo o deputado estadual Gilmar Carvalho (PSC), se esta mão-de-obra for mesmo desativada, poderá haver uma catástrofe no sistema penitenciário. O parlamentar espera que o governo negocie com a Reviver para que ela possa honrar seus compromissos com os empregados e fornecedores. Oremos!

Educação em debate

E quem esteve, ontem, em Aracaju foi a governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT). Veio proferir palestra sobre o Fundeb, no 29º Encontro Nacional dos Conselhos Municipais de Educação. Ela disse que milhões de crianças, jovens e adultos precisam de creche, ensino fundamental e médio: “Quando falamos do Fundeb, estamos falando da agenda de valorização do magistério público”, frisou a governadora. É vero!

Conversa em dia

Os ex-governadores Albano Franco (PSDB) e Jackson Barreto (MDB) conversaram animadamente ontem à tarde. Foi durante inauguração da reforma da quadra poliesportiva do Centro de Excelência Professor José Carlos de Sousa, em Aracaju. Morto em 2016, o professor que empresta o nome à escola foi secretário da educação, deputado estadual e conselheiro do Tribunal de Contas de Sergipe. Professor José Carlos de Souza foi um ilustre sergipano.

Comigo não, violão!

O deputado federal Fábio Mitidieri (PSD) é radicalmente contra a fusão de municípios pequenos a outros maiores, como pretende o governo federal: “Não contem com meu apoio pra isso. Cada um desses municípios tem a sua história, peculiaridades, cultura e tradição”, afirma. Segundo Mitidieri, nem tudo se resume à economia, aos números. O deputado afirma ser preciso respeitar também a vontade dos filhos das cidades pequenas. Então, tá!

Noite de autógrafos

Será hoje o lançamento do livro “A Constituição Cidadã e o Direito Tributário – Estudos em homenagem ao Ministro Carlos Ayres Britto”. Coordenada por Saul Tourinho Leal e Eduardo Lourenço Gregório Júnior, a obra destaca a presença do ministro sergipano no constitucionalismo brasileiro. A noite de autógrafos está agendada para às 18h, na Biblioteca do Supremo Tribunal Federal, em Brasília. Prestigie!

Recorte de jornal

Publicado no jornal laranjeirense O Horizonte, em 10 de janeiro de 1886.

Deixe seu comentário...