Nitinho se reúne com vereadores para discutir concurso

Emília Corrêa (Patriota) cobrou que antes do concurso seja analisada a questão dos aposentados e pede mais atenção aos problemas estruturais da Casa.

ARACAJU/SE – Na manhã desta terça-feira, 16, logo após a Sessão Ordinária, o presidente da Câmara Municipal de Aracaju (CMA), Nitinho (PSD), se reuniu com os vereadores e a equipe técnica da Câmara para tirar dúvidas e esclarecer alguns pontos sobre a elaboração do concurso público da CMA, além de questões internas administrativas e sobre a atual situação dos aposentados da Casa Parlamentar.

Durante a reunião, a vereadora Emília Corrêa (Patriota) cobrou que antes do concurso seja analisada a questão dos aposentados e pede mais atenção aos problemas estruturais da Casa. Já o vereador Anderson de Tuca (PRTB) falou da importância da elaboração do organograma para saber a quantidade de vagas essenciais para o concurso.

Pastor Alves (PRB) destacou que Nitinho está fazendo um ótimo trabalho como presidente, mas que é preciso fazer alguns pequenos ajustes. “Até hoje não encontrei uma pessoa que fale mal de Nitinho, só ouço elogios ao trabalho dele por todo lugar que eu ando. Estou aqui dando sugestões para ajudar e minha opinião é solicitar ao prefeito para ceder o prédio que está sem funcionar. O prédio serviria de anexo com uma melhor estrutura para todos da Câmara”, informou.

Lucas Aribé (PSB) falou sobre as verbas indenizatórias e solicitou mais facilidade para os vereadores nesta questão. “Minhas sugestões são apenas para melhorar o que já está sendo feito”, disse.

Nitinho respondeu os questionamentos dos vereadores, juntamente com os técnicos da Câmara, que tiraram dúvidas sobre as questões internas. “Nos reunimos com todos os vereadores, ouvimos as demandas e vamos estudar todas as sugestões. Com relação a estrutura do prédio, estamos agilizando o processo de licitação para realizar a manutenção, pintura interna e externa e algumas adequações necessárias. Sobre a questão dos aposentados, estamos analisando todos os pontos, quem paga os aposentados é a prefeitura, então tem que ser discuto com todos os envolvidos”, finalizou.

Por Fernanda Sales

FOTO: Gilton Rosas

 

Deixe seu comentário...