O Juiz Manoel Costa Neto determina suspensão do concurso público da Polícia Militar de Sergipe

Magistrado decidiu pela imediata suspensão de todas as etapas do certame.

SERGIPE – O juiz Manoel Costa Neto, da 1ª Vara Cível de São Cristóvão (SE), decidiu nesta sexta-feira (3) por anular a etapa de aplicação das provas objetivas do concurso público da Polícia Militar de Sergipe realizadas em julho de 2018, além das etapas subsequentes.

A ação pedia também que o Estado de Sergipe fosse obrigado a realizar um novo certame, porém o magistrado disse que “a realização de novo concurso público pelo Estado de Sergipe depende da avaliação da conveniência e oportunidade do ato pelo Poder Público, não podendo o Poder Judiciário substituir o mérito da decisão administrativa”.

A lista final com os nomes de todos os aprovados no concurso público da Polícia Militar de Sergipe foi divulgada em fevereiro deste ano.

Mais de 80 mil pessoas se inscreveram para o concurso da Polícia Militar de Sergipe.

A Polícia Militar de Sergipe informou que ainda não foi notificada da decisão.

 

5 Comments

  • Seria ótimo que o certame fosse anulado para a realização de um novo edital, só assim pessoas que como eu não tiveram a oportunidade de se inscrever, no meu caso foi por falta grana mesmo hehehe, mas se for anulado, com certeza estarei dentro no próximo, pois o limite de idade pra 35 anos foi ótimo, outros estados também deveriam adotar isso, tem muita gente com mais de 32 anos, bem mais preparada tanto, físico e psicológicamente que muito novinho aí, tô na torcida pra que seja realizado um novo concurso.

    • Escrevendo psicologicamente com acendo agudo no 2° “o” mostra o quanto você está preparado Márcio. Sua sorte que não tem redação.

    • Seria ótimo anular o certame para você, porém vale lembrar que os aprovados neste certame abdicaram muito para estudar e lograr êxito na aprovação. Assim como muitos candidados são de outro estado e gastaram muito dinheiro para se deslocar e participar de todas as etapas do concurso. Passar pela Prova objetiva, TAF, Psicológico, investigação social, homologação do concurso, ver o nome no diário oficial e depois passar por uma situação como essa… Desrespeito com o sonho de muitos.

  • Tallyson.
    É uma faca de dois gumes. Eu mesmo vou gostar da nova oportunidade de realizar a prova, além do mais sabendo que houve tentas polêmicas referente a segurança do conteúdo da prova, porém tem amigos meus que obtiveram êxito em todas as etapas e aguardam ansiosamente o início do curso de formação. “Espero que a justiça seja feita”.

  • Deus abençoe este juiz. E que reabra nova prova. Ouve muito esquema de amizades, pra aprovacaa de muitos ali. Pena não poder provar…mas….

Deixe seu comentário...

%d blogueiros gostam disto: