Policia Civil prende quatro suspeitos de roubos de veículos de aplicativos em Sergipe

As ações criminosas envolvem cinco suspeitos e um grupo de adolescentes

Compartilhe...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Print this page
Print

Policiais  civis da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos (DRFV), Complexo de Operações Policiais Especiais (Cope) e a Coordenadoria de Recursos Especiais (CORE) realizaram na madrugada dessa sexta-feira (07), uma operação para combater os roubos de veículos de aplicativos em Aracaju. Foram cumpridos quatro mandados de prisões temporárias e três adolescentes já haviam sido apreendidos pela Delegacia Especial de Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca).

De acordo com as informações policiais, as investigações iniciaram ainda em novembro de 2018. Na situação, uma vítima teria sido roubada no bairro Atalaia, quando um grupo de jovens levaram seu veículo. “A polícia chegou a conclusão de que se tratava de um grupo de menores que praticava uma série de roubos em Aracaju, sobretudo de Uber. Em uma operação, um dos autores foi reconhecido e morto em confronto com a polícia. Três desses menores, já foram apreendidos”, explicou o delegado da DRFV, Kássio Viana.

Ainda de acordo com as investigações, o grupo solicitava o uber de um celular e depois praticavam o roubo do veículo, levando também os pertences do motorista. A quadrilha não agia sozinha, mas também com o auxílio de maiores. “Uma parte dos bens eram vendidos para alguns maiores que faziam a distribuição de aparelho celular e outros bens móveis de mais fácil locomoção. Os veículos tinham suas placas trocadas e eram vendidos ou utilizados em outros roubos”, contou o delegado.

A operação desta madrugada teve como objetivo localizar e prender os cinco suspeitos que auxiliavam a ação criminosa. “Obtivemos quatro mandados de prisão temporária, um suspeito estava com um dos aparelhos subtraídos da primeira vítima, outro foi reconhecido por uma das vítimas. O terceiro foi citado pelos próprios autores como partícipe dos roubos. O quarto além de participar dos roubos, era responsável de esfriar os carros trocar as placas”, esclareceu.

As investigações continuam a fim de localizar o quinto integrante, responsável pela venda dos celulares subtraídos nos roubos. Em paralelo, a Depca também dá continuidade a localização dos outros adolescentes envolvidos. “É importante dizer que esse grupo foi responsável por vários roubos de veículos em Aracaju e esta operação faz parte desse novo foco no combate de roubo de veículos de aplicativos”, concluiu Kássio Viana.

Com informações e foto da SSP

 

Deixe seu comentário...