POLICIA MILITAR E BELIVALDO: Mais um caso de vergonha!

Trata-se de um “puxadinho” no Parque dos Cajueiros, um espaço que estava desocupado, e que não foi construído para abrigar uma unidade de policiamento.

SERGIPE – Quando no exercício do seu terceiro mandato como governador, João Alves Filho (famoso por maltratar o servidor público) fez construir uma das orlas mais bonitas do país, na praia de Atalaia.

Prevendo a grande quantidade de turistas que, em tese, frequentariam o novo e bonito espaço de lazer, o negão fez construir um prédio novo e com arquitetura arrojada para o funcionamento da Delegacia Especializada de Atendimento ao Turista (DETUR). Nas proximidades da mesma DETUR, o negão construiu um prediozinho, um guanincho, acanhado e ali instalou a Companhia de Policiamento Turístico, que antes ocupava uma casinha vergonhosa de madeira, também na orla de Atalaia.

Sede da DETUR, planejada e construída para ser unidade policial
Passados vários anos, o estado de Sergipe não investiu na sede do hoje BPTur e o prédio se encontra em estado lastimável, tendo sido solicitada sua inspeção junto aos órgãos competentes por provocação da Associação dos Militares do Estado de Sergipe – AMESE. (link dos laudos clicando aqui)

Pois bem, talvez temendo um laudo que condenasse mais uma instalação da Polícia Militar, foi inaugarada hoje a “nova sede” do BPTur.

A “nova sede”, para quem não sabe, se trata de mais um armengo – como de costume – para abrigar mais uma unidade da PMSE. Trata-se de um “puxadinho” no Parque dos Cajueiros, um espaço que estava desocupado, e que não foi construído para abrigar uma unidade de policiamento.

“Nova sede” do BPTur

Tivesse capacidade de planejamento, o coronel Marcony teria pego os 5 milhões de reais que devolveu ao orçamento do estado, compraria um terreno e construiria um quartel com condições mínimas e adequadas de funcionamento, não nos fazendo passar a vergonha de entregar um “quarto de vila”. Além disso, o “novo quartel” não obedece a segurança viária tendo as viaturas tendo que passar por ciclovias e calçadas para alcançarem o quartel, havendo risco iminente de atropelamentos e desgaste destes “acessos” improvisados.

Como deve ser um quartel de Polícia Militar

Mais do que a vergonha de inaugurar uma improvisação, foi postar nas redes sociais da corporação a foto do governador Belivaldo Chagas com o braçal do BPTur e recebendo uma homenagem por ter entregue o tal quarto de vila para a corporação tomar conta.

Lembremos que este mesmo político homenageado foi cassado recentemente pelo Tribunal Regional Eleitoral e há 7 anos não concede o reajuste linear inflacionários a todos os nossos bombeiros e policiais militares e paga 8 reais de ticket refeição à tropa.

A pessoa que presta homenagem a um governador desse quilate só tem uma preocupação: manter-se no comando a qualquer custo, iludindo os mais incautos!

(Inauguraçao da “nova sede” do BPTur. Abro um parêntese para explicar a velha tática para enganar os incautos: chamar um policial para ser homenageado, pedir palmas e ir levando com a barriga até onde dá para se manter onde está. Troco qualquer aplauso desses pelos 7 anos sem reposição da inflação e por um vale-refeição decente)

JORGE VIEIRA DA CRUZ
Sargento da reserva, mais um veterano!
FONTE & FOTO – Blog do Sgt Vieira

Deixe seu comentário...

%d blogueiros gostam disto: