Racionamento Disfarçado

O ex-governador João Alves Filho (DEM) também recorria a tal “manutenção preventiva” para esconder o racionamento de água na capital. Parte da culpa pelas constantes interrupções no fornecimento pode ser atribuída ao desperdício.

Compartilhe...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Print this page
Print

POLÍTICA E COTIDIANO / ADIBERTO DE SOUZA – Embora a Deso não admita, há muito vem ocorrendo racionamento de água em Sergipe. A estatal usa e abusa do discurso de “manutenção preventiva” e “tubulação estourada” para justificar as constantes faltas d’água. Hoje mesmo bairros de Aracaju e São Cristóvão estão sem o precioso líquido nas torneiras. O ex-governador João Alves Filho (DEM) também recorria a tal “manutenção preventiva” para esconder o racionamento de água na capital. Parte da culpa pelas constantes interrupções no fornecimento pode ser atribuída ao desperdício. Quase metade da água tratada pela Deso vai literalmente pelo ralo. As causas desta enorme perda são os vazamentos, a submedição e as ligações clandestinas, conhecidas como “gatos”. Quando era estatal, a Energisa também sofria enormes prejuízos provocados pelo furto de energia, problema corrigido após a privatização. Vê-se, portanto, que falta decisão política na Deso para impedir que tanta água escorra pelo ladrão, enquanto o consumidor fica literalmente de bico seco. Misericórdia!

Hoje tem pesquisa

A TV Atalaia divulga, hoje, a primeira de uma série de pesquisas que fará até as eleições de outubro. Feita pelo Instituto Única, a consulta apresentou aos eleitores 10 nomes de pré-candidatos a prefeito de Aracaju. Devidamente registrada no Tribunal Regional Eleitoral, a pesquisa ouviu mil pessoas em 35 bairros da capital. O resultado será divulgado no noticiário Jornal do Estado, que vai ao ar às 19h10 desta quarta-feira. Aguardemos, portanto!

Fuleiragem

O consumidor não pode confiar nem nas cotações de preços feitas pelo site da Azul Cargo. O alerta é do empresário sergipano Alziro Ubiratã. Ele conta que o portal da dita empresa cotou em R$122,32 o transporte de uma mercadoria de São Paulo para Sergipe. Na hora de despachar o equipamento, a Azul Cargo cobrou mais de R$ 350,00 pelo serviço. Diante do protesto de Alziro, a empresa admitiu candidamente que o site dela tem falhas, não devendo ser levado em consideração. Durma com um barulho desse!

Detran criticado

E o deputado estadual Georgeo Passos (Cidadania) está por aqui com o Detran. Ele acha que aquele órgão público está lesando as pessoas que precisam de seus serviços, pois insiste em não respeitar a lei que reduziu o valor de algumas taxas. “O cidadão deveria pagar R$ 90 para renovar a Carteira de Habilitação, mas o Detran continua cobrando R$ 190 pelo serviço”, reclama Georgeo. Crendeuspai!

Chamem a Polícia
Não convidem para o mesmo comício os delegados de Polícia Paulo Márcio (DC) e Alessandro Vieira (Cidadania), pois pode haver briga feia. O primeiro ficou invocado porque o colega de profissão chamou de sem vergonha quem criticou a recente pesquisa feita pelo Cidadania para definir seu pré-candidato a prefeito de Aracaju. Segundo Paulo Márcio, a reação do senador Alessandro “confirma a natureza despótica e o autoritarismo que lhe são característicos”. Cruzes!

Ficou pra depois

Ficou para o próximo dia 14, o julgamento do pedido de mudança de partido, sem risco de perder o mandato, feito à Justiça Eleitoral pelo deputado estadual Gilmar Carvalho (PSC). O adiamento foi solicitado pela defesa do parlamentar, que pretende deixar a legenda para se candidatar a prefeito de Aracaju. Aliás, Gilmar prometeu que se for candidato e vencer as eleições, o transporte coletivo na capital será de graça. Desse jeito, Carvalho vai perder os votos dos donos das empresas de ônibus. Aff Maria!

Tarifa zero

E o pré-candidato a prefeito de Aracaju, Márcio Macedo (PT), também sonha com ônibus de graça para os aracajuanos. Ele analisa experiência nesse sentido posta em prática em Maricá (RJ), cidade administrada por petistas. O ex-prefeito daquele município carioca, Washington Quaquá (PT), inclusive, já esteve em Aracaju para analisar o nosso transporte coletivo. Pelo visto, na campanha eleitoral que se avizinha vão oferecer até pedacinhos do paraíso. Danôsse!

Pires nas mãos

É grande o número de prefeitos sergipanos batendo pernas em Brasília. Foram pedir aos deputados e senadores que contemplem seus municípios com emendas do Orçamento da União. Não seria mais barato para os sofres públicos os prefeitos procurassem os parlamentares federais aqui em Sergipe? Será que se eles não forem à Brasília os municípios perderão as emendas? Ora pois!

BNDES em Sergipe

Representantes do BNDES estão em Sergipe discutindo formas para fortalecer os Arranjos Produtivos Locais (APLs), tidos como fundamentais para o desenvolvimento da economia colaborativa. Ontem, eles se reuniram com a vice-governadora Eliane Aquino (PT) e técnicos da Secretaria Estadual de Inclusão Social. Os APLs são atividades produtivas desenvolvidas coletivamente visando reforçar a renda familiar e a qualidade de vida das populações em vulnerabilidade social. Então, tá!

Conserto

O pré-candidato a prefeito de Aracaju, Almeida Lima (PV), negou que tenha criticado a recente pesquisa feita pelo Cidadania visando definir quem disputará a prefeitura pelo partido. O verde disse que, ao contrário do que o blog publicou ontem, ele apenas repassou um vídeo postado nas redes sociais levantando dúvidas sobre a pesquisa do Cidadania. Ah, bom!

Sessão vapt-vupt

O vereador Cabo Amintas (PTB) criticou a sessão relâmpago da Câmara de Aracaju. De fato, os vereadores retornaram, ontem, do recesso parlamentar e só “trabalharam” 30 minutinhos. Segundo o pedetista, os colegas estão cansados de tanto visitarem “obras eleitoreiras” da Prefeitura. Autoconvocados para apreciarem projetos do Executivo, os vereadores devem aprovar também a redução das férias deles dos atuais três meses para 55 dias anuais. Marminino!

Recorte de jornal

Publicado no jornal O Laranjeirense, em 9 de abril de 1888.

Deixe seu comentário...