Sgt Vieira, Presidente da AMESE, cobra da OAB/SE apuração de condutas de Advogados

A Polícia Militar apurou a conduta dos seus profissionais. Agora, aguardamos que a Ordem faça sua parte.

SERGIPE – Na manhã de ontem, 17 de julho, o presidente da ASSOCIAÇÃO DOS MILITARES DO ESTADO DE SERGIPE – AMESE oficiou o Presidente da Seccional Sergipe da OAB, Inácio Krauss, solicitando informações quanto à abertura, ou não, de procedimento apuratório para avaliação da conduta de dois advogados que, supostamente, violaram suas condutas profissionais.
O fato gerador da denúncia da AMESE foi a prisão de um advogado no município de Lagarto, no mês de fevereiro deste ano, por intervir, segundo informações, de forma inadequada em uma ocorrência policial. O outro fato, derivado do anterior, foi o de outro advogado que se utilizou das redes sociais para difamar toda a categoria policial militar.
Segundo o presidente da AMESE, o sargento Jorge Vieira “Já oficiamos o Tribunal de Ética da OAB por duas vezes cobrando a referida apuração. Na segunda resposta foi nos dito que a competência para abertura de procedimento apuratório seria do presidente da OAB. Esperamos que o Dr Inácio Krauss, um grande e isento profissional, atenda ao nosso pleito para que a verdade seja estabelecida. A Polícia Militar apurou a conduta dos seus profissionais. Agora, aguardamos que a Ordem faça sua parte”.

Veja, abaixo, oficio protocolado pela AMESE:

FONTE & FOTO: AMESE

 

Deixe seu comentário...