SINPOL: Policiais civis farão nova vigília no prédio da SEAD para acompanhar tratativas sobre Projeto OPC

Até o momento, a mesa de negociação não apresentou nenhum tipo de avanço e aparenta ter um projeto previamente pronto a ser aprovado sem discussão nem questionamentos por parte dos policiais civis.

SERGIPE – “Ou o governador Belivaldo Chagas mentiu para os policiais civis ou ele não sabe o que está acontecendo nessa mesa de negociação”, mencionou um policial civil que preferiu não se identificar nesta quarta-feira, 04, após o término da reunião na Secretaria de Administração (Sead) para tratar do encaminhamento do Projeto Oficial de Polícia Civil (OPC) para aprovação na Assembleia Legislativa.

O Projeto OPC contempla três pontos prioritários relacionados à carreira de centenas de agentes, escrivães e agentes auxiliares de Sergipe: interstício, classe final e fusão destes cargos da base da Polícia Civil. Até o momento, a mesa de negociação não apresentou nenhum tipo de avanço e aparenta ter um projeto previamente pronto a ser aprovado sem discussão nem questionamentos por parte dos policiais civis.

“Sabemos o compromisso do governador Belivaldo Chagas e do secretário de Segurança Pública, João Eloy de Menezes, com a aprovação do nosso projeto, mas infelizmente até agora não houve nenhum tipo de avanço nem consenso na mesa de negociação com os representantes do Governo que estão participando dessas reuniões coordenadas pelo secretário de Administração, George Trindade. A construção do projeto precisa ser coletiva e sem imposições de alternativas previamente alinhadas que prejudiquem os policiais civis. A reação dos policiais em querer acompanhar de perto essas reuniões é natural, eles querem entender como um projeto tão simples e que tem o aval do governador tem encontrado tanta oposição”, destacou Adriano Bandeira, presidente do Sindicato dos Policiais Civis do Estado de Sergipe (Sinpol/SE).

Hoje tem reunião

A próxima reunião na Secretaria de Administração acontece nesta quinta-feira, 05. Os policiais civis informaram que estarão novamente em vigília no prédio da Sead a partir das 15h para acompanhar o desfecho dessa nova reunião que pretende tratar diretamente do Projeto OPC.

“Mesmo com a reunião de hoje, agendada para dar continuidade ao que não foi fechado ontem, permanece a previsão da última reunião ocorrer no próximo dia 11 de setembro. Manteremos a categoria informada sobre o desfecho de cada encontro da mesa de negociação, pois entendemos que precisamos ser transparentes nesse contexto. Tenho certeza que os policiais civis não recuarão e se manterão unidos. Nossa luta está apenas começando”, finalizou Adriano Bandeira.

Deixe seu comentário...