STJ Acaba de deferir habeas corpus ao radialista George Magalhães

O Superior Superior Tribunal de Justiça acabou de aceitar pedido de habeas corpus do radialista George Magalhães

O Superior Tribunal de Justiça (STJ), através do ministro Reynaldo Soares da Fonseca, concedeu na tarde desta quarta-feira, 07, um habeas corpus ao radialista George Magalhães, , acusado por estupro e coação de testemunha.

George Magalhães está preso desde o dia 13 de setembro e no início do mês de outubro teve o pedido de liberdade provisória negado pela Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Sergipe. Na tarde desta quarta, o recurso com pedido de liminar foi apreciado pelo magistrado da Corte superior que determinou a liberação do radialista.

Entenda o caso:

George Magalhães foi preso na residência dele, localizada no Bairro Atalaia, na Zona Sul de Aracaju, no dia 13 de setembro. No dia seguinte, ele foi encaminhado para o Complexo Penitenciário Antônio Jacinto Filho (Compajaf), localizado no Bairro Santa Maria, Zona Sul de Aracaju.

Na sexta-feira, 14 de setembro, ele foi encaminhado à Cadeia Pública Tabelião Filadelfo Luiz da Costa, mais conhecida como ‘Cadeião, no município de Estância (SE), onde permanece preso.

No dia 02 de outubro, ele deu entrada com um pedido de habeas corpus. A decisão foi adiada para o dia 11 de outubro, quando a Justiça decidiu negar o pedido feito pela defesa do radialista.

Segundo os advogados de George, a nova decisão será comunicada via malote digital ao Tribunal de Justiça, para que então seja expedido o alvará de soltura.