Subtenente do Corpo Bombeiros mata ex-esposa a tiros e depois comete suicídio

Crime aconteceu em frente a escola onde a professora Andreia Belizário, de 37 anos, trabalhava. Alunos presenciaram a ação.

ARACAJU/SE – Uma professora morreu após ser baleada pelo ex-marido, na manhã desta quinta-feira (02/05/2019), em frente à Escola Municipal José Souza de Jesus, em Aracaju (SE).

Andreia Belizário, de 37 anos, chegava para trabalhar quando foi atingida por tiros disparados pelo subtenente do Corpo de Bombeiros do estado, Jefferson Mendonça, de 47 anos.

Após o crime, Jefferson cometeu suicídio. De acordo com a reportagem, o suspeito e a vítima estavam em processo de separação conjugal e, juntos, tinham um filho de oito anos de idade.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) chegou a prestar os devidos socorros à vítima, mas Andreia não resistiu e morreu na ambulância, no caminho do hospital.

Segundo o Uol, alunos chegavam na escola no momento em que o bombeiro atirou na ex-mulher. No entanto, ninguém foi atingido pelos disparos. A professora lecionava há quatro meses na escola municipal.

FOTO: Reprodução/Internet

 

Deixe seu comentário...