[VÍDEO] UNIDAS realizam ato contra a decisão do TCE que determinou a suspensão do pagamento do subsídio dos PMs da reserva, aposentados e pensionistas

O efetivo saiu em carreata até o Tribunal de Contas, onde foi realizado um desfile dos veteranos em direção à entrada do tribunal.

ARACAJU/SE – As Associações Militares Unidas realizaram nesta terça-feira (30), um ato em prol do cumprimento da lei 310/2018 que garante o pagamento do direito do posto/graduação superior aos militares da reserva, reformados e pensionistas de militares que contribuíram com 30 anos de efetivo serviço até o dia 31 de março de 2018.

O evento teve início às 06:00h na frente do Palácio de Governo. Depois o efetivo saiu em carreata até o Tribunal de Contas, onde foi realizado um desfile dos veteranos em direção à entrada do tribunal. Na oportunidade foram realizados discursos emocionados por parte dos diversos presentes, mostrando as dificuldades por que passam nossos aposentados.

Após o ato, os presidentes de associações se dirigiram ao Palácio de Governo para protocolar documento acerca da situação. Coincidentemente, os representantes de classe se depararam com o governador Belivaldo Chagas na entrada do Palácio. O governador alegou falta de agenda para receber os representantes de classe e disse que vai aguardar o parecer da PGE sobre a notificação do Tribunal de Contas para deliberar sobre o caso.

ENTENDA O CASO: TCE/SE Determina que governo não pague o “Subsidio” dos Militares que cumpriram mais de 30 anos de serviço aa PMSE

Veja, abaixo, as fotos:

Assista, abaixo, aos vídeos:

FONTE & FOTO: AMESE

 

Deixe seu comentário...